Estado

Ex-genro é preso suspeito de roubar botijão de gás e estuprar idosa, em Rio Verde

O homem de 27 anos teria namorado a filha da idosa seis meses antes de cometer o crime. Ele foi preso e negou o estupro

Um homem foi presos suspeito de estuprar a ex-sogra de 80 anos e, em seguida, furta o botijão de gás da casa dela. O crime aconteceu na última segunda-feira (17), no bairro Vila Amalia, em Rio Verde. De acordo com o Polícia Militar (PM), o suspeito tem 27 anos e admitiu que roubou o botijão, mas negou que tivesse abusado sexualmente da idosa.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito se relacionou com a filha da vítima durante seis meses, antes do crime. Após o termino, o rapaz invadiu a casa da ex-sogra e roubou um botijão de gás da casa dela. A idosa ainda contou que, após o roubo, o suspeito a estuprou mesmo com ela relutando contra o ato sexual forçado.

Logo depois do crime, o suspeito fugiu com o botijão. A vítima acionou a PM, que realizou buscas e prendeu o rapaz horas depois, nas imediações do posto Bandeirantes.

Suspeito nega o estupro

Segundo a delegada da Deam, Jaqueline Camargo, a idosa não ficou lesionada. Porém, ela realizou um exame de corpo de delito de prática sexual delituosa.

Na delegacia, o ex-genro negou que tivesse abusado sexualmente da mulher, mas confessou o roubo do botijão de gás que estava na casa dela. Ele não possui nenhum antecedente criminal.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo